A força das cooperativas como alternativa de emprego

By Luiz Valério sábado, 29 de janeiro de 2011
Deu na Agência Brasil:

"Cooperativas devem ser alternativa de trabalho para 3 milhões em 2011

Vinicius Konchinski
Repórter da Agência Brasil


São Paulo – As cooperativas e associações devem servir como alternativa de trabalho e renda para pelo menos 3 milhões de pessoas neste ano. Mesmo com a queda histórica do desemprego, empreendimentos da chamada economia solidária devem crescer em 2011 e ocupar cada vez mais trabalhadores interessados em participar da gestão de seus próprios negócios.


A previsão é de Fábio José Bechara Sanchez, secretário adjunto da Secretaria Nacional de Economia Solidária (Senaes), ligada ao Ministério do Trabalho. Segundo ele, dados preliminares de um levantamento que está sendo feito pela Senaes apontam um aumento de quase 100% na quantidade de pessoas ocupadas e também no número de iniciativas de economia solidária nos últimos quatro anos.


Na última pesquisa sobre o tema organizada pela Senaes, em 2007, existiam cerca de 22 mil organizações de trabalhadores coadministrando um negócio. Essas organizações ocupavam aproximadamente 1,6 milhão de pessoas, principalmente nos estados do Rio Grande do Sul, Ceará e da Bahia.

Já em 2011, além dos 3 milhões trabalhadores envolvidos nesses empreendimentos, a quantidade de iniciativas deve chegar a 40 mil. “Parcialmente, já dá pra ver que a economia solidária continua crescendo quantitativamente e qualitativamente”, diz Sanchez".


Leia a matéria completa aqui.

Comentário do editor: Trabalhar por conta próprio em regime de cooperativa pode ser uma boa saída para quem quer ser seu próprio patrão e ter mais autonomia na administração do seu tempo. Porém, requer esforço, dedicação, noção de mercado e compromisso com a qualidade do produto/serviço que se vai oferecer. O cooperativismo tem crescido em todo o mundo e é uma alternativa à saturação do mercado de trabalho em algumas áreas. Um bom planejamento e a escolha dos parceiros certos para começar um trabalho em regime de cooperativa são etapas que não devem ser ignoradas.

Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " A força das cooperativas como alternativa de emprego "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.