Contas de Neudo ainda precisam ser julgadas. Só depois vem a diplomação

By Luiz Valério domingo, 13 de fevereiro de 2011
Atualizada às 14h10 para fins de correção de informação: As mais de 100 mil pessoas que votaram em Neudo Campos (PP) no primeiro turno e segundo turnos das eleições do ano passado estão em contagem regressiva para vê-lo diplomado amanhã pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Ricardo Oliveira, em sessão marcada para às 9h, e posteriormente empossado pela Assembleia Legislativa.

No entanto, há alguns trâmites legais a serem seguidos ainda. Por exemplo. Antes de ser diplomado, Neudo precisa ter suas contas aprovadas pelo TRE. As contas da campanha do candidato [quase governador] progressista ainda não foram julgadas pelo Tribunal. O julgamento da prestação de contas de Neudo ocorrerá antes da solenidade de diplomação.

Não quero jogar um balde de água fria na expectativa e felicidade de centenas de milhares de pessoas. Mas, se qualquer um dos membros do TRE discordar da prestação de contas e pedir vista por qualquer pendência ou falta de clareza na documentação apresentada? Se isso ocorrer, meus caros, a diplomação e posse ficam adiadas. Se as contas forem julgadas de imediato, aí, sim, haverá centenas de milhares de sorrisos por toda parte de Roraima.

E porque as contas de Neudo não haviam sido julgadas. Porque o TRE havia dado prioridade de julgamento para as contas dos eleitos. A prestação de contas dos não eleitos havia ficado para depois. Então, por este motivo, ainda há um pequeno importante detalhe separando Neudo da posse como governador de Roraima.

Outra coisa. Eu conversava agora há pouco com o deputado Rodrigo Jucá e ele me fazia algumas ponderações quanto ao rito a ser seguido até que Neudo seja empossado. E aqui eu tenho que deixar claro que Rodrigo faz parte do grupo político de Anchieta Júnior (PSDB), que logicamente, tem todo interesse que o tucano permaneça como governador. É uma questão de honestidade da minha parte.

Mas vamos ao que dizia Rodrigo Jucá. Segundo ele, mesmo depois da diplomação de Neudo como governador eleito, ainda há alguns passos oficiais a serem cumpridos. Por exemplo: depois da diplomação, o presidente do TRE terá ainda que oficiar o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Chico Guerra, PSDB, sobre a diplomação e determinação para a posse do futuro novo governador.

Aí caberá a Assembleia Legislativa marcar a hora ou data da sessão de posse. “Ottomar Pinto, por exemplo, só foi tomar posse às 18h”, lembrou Rodrigo Jucá, fazendo referência à cassação do atual deputado Flamarion Portela (PTC), o que oportunizou ao velho brigadeiro ser empossado como governador de Roraima.

“Até lá então, o governador ainda e Anchieta Júnior. Não há vacância de cargo”, explicou. “Por isso é preciso que a população tenha calma. Se tivermos que empossar um novo governador, a Assembleia vai cumprir o seu papel constitucional e vai fazê-lo. E aí, o povo poderá assistir a posse”, finalizou.


Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " Contas de Neudo ainda precisam ser julgadas. Só depois vem a diplomação "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.