O futuro de Roraima aos olhos do cidadão comum

By Luiz Valério quarta-feira, 29 de junho de 2011
Tenho conversado com muitas pessoas fora do círculo do jornalismo, pessoas comuns, não-jornalistas, cidadãos que observam os fatos e acompanham o noticiário com a ótica de quem vota e espera o compromisso dos seus representantes. E o sentimento de ansiedade e insegurança que elas externam com a situação do estado, diante desse momento de instabilidade política é imenso.

Ontem, o proprietário de um pequeno restaurante, localizado na periferia da cidade, do alto da sua cidadania pouco instruída, mas de muita sabedoria, dizia o que venho repetindo a algum tempo: Roraima tem tido muito pouca sorte no que diz respeito à sua vida político-administrativa.

Desde a gestão de Neudo Campos, concluída por Flamarion Portela, em 2002, o Estado de Roraima vem sofrendo de descontinuidade de governo e de projetos, além do fato de ser sacudido por sucessivos escâncalos de corrupção. Com isso, o desenvolvimento fica emperrado e a população se mostra descrente naquelas pessoas que em período de campanha apertam a sua mão, jurando fidelidade aos princípios da cidadania e do compromiso com o bem-estar social.

Em decorrência da cassação do governador Anchieta Júnior, eleito em 2010, Roraima, mais uma vez, vive esse clima de incerteza. Quem votou no governador está ansioso para saber se aquele que escolheram vai concluir o seu mandato ou se haverá nova interrupção administrativa. Repito: tenho conversado com pessoas de todos os segmentos sociais e elas externam esse sentimento de desesperança. E isso é muito ruim.

Na conversa de ontem, por exemplo, o meu interlocutor raciocinava da seguinte forma: se a cassação do governador Anchieta for confirmada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Neudo Campos assume, mas a depender das ações que tramitam no TRE deve perder o mandato também. Aí o presidente da Assembleia Legislativa (seja ele quem for) assume temporariamente e, caso se sinta tentado a concorrer ao cargo de governador e na ânsia de se eleger, correrá o risco de cometer irreluaridades. Novamente virão mais ações cassação, numa ciranda infindável de estagnação e desencanto aos cidadãos roraimenses. É um exercício de futurologia pessimista, mas que pemeia o sentimento dos cidadãos roraimenses.
Claro que reproduzi o pensamento do meu interlocutor de uma forma mais elaborada, mas foi exatamente isso, com sua forma simples de se expressar, que meu interlocutor me dizia ontem, o que demonstra o tamanho da desesperança das pessoas.

É realmente lamentável.
Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " O futuro de Roraima aos olhos do cidadão comum "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.