Grupo oposicionista na Assembleia rachou

By Luiz Valério sexta-feira, 28 de outubro de 2011
A bancada de oposição ao governo na Assembleia Legislativa de Roraima rachou. Na quarta-feira (26) quatro deputados que compunham o bloco oposicionista se reuniram para definir que rumo seguir. Na quinta-feira decidiram que não querem mais ter o deputado Mecias de Jesus como líder. Também tomaram a decisão de não financiar mais as mídias que divulgavam todas as ações, denúncias e discursos contra o governo feitos pela barulhenta bancada anti-governo. Os quatro parlamentares vão iniciar um processo de distanciamento de Mecias. Repito: os deputados que se reuniram na quarta-feira querem tomar a liderança oposicionista das mãos do ex-presidente da Assembleia. Os quatro "mosqueteiros" pensam em compor uma nova frente parlamentar, que será denominada de Frente Parlamentar Contra a Corrupção. Eles já não confiam tanto nas ações de Mecias como seu líder. E ao que parece, vai restar ao ex-PR uma posição de certo isolamento. O deputado Flamarion Portela (PTC) também já iniciou um processo de distanciamento do influente Mecias de Jesus. Flamarion agora está mais na dele. Ionilson Sampaio (PSB) também faz oposição ao governo, mas é perceptível sua postura de quem alça um voo solo. Faz algum tempo que Ionilson está mais, digamos, light. Mas é provável que se integre à nascente Frente Parlamentar Contra Corrupção. Vamos acompanhar esse movimento ainda tímido (ou não tão tímido assim) de rompimento entre os oposicionistas. Quem conhece Mecias mais de perto, o vê um tanto cabisbaixo e sem o mesmo brilho de outrora. Efeitos do isolamento? Só os dias dirão.
Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " Grupo oposicionista na Assembleia rachou "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.