As constantes mudanças no governo do Crato

By Lucion Oliveira terça-feira, 20 de outubro de 2015

Há quem afirme que o mais grave problema do Brasil, tirante a corrupção, é a descontinuidade administrativa – a cada governo mudam-se os planos e o que existia, independentemente de ser positivo ou não, é logo descartado.
Mas, o que dizer quando a inconstância ocorre no mesmo governo, em decorrência das inúmeras mudanças de secretários?
No último final de semana, o enfermeiro Lucimilton Macedo (Miltinho) deixou o governo municipal do Crato sob o argumento de dar mais assistência à família. Ele foi o terceiro secretário de Saúde nesta gestão. Também tivemos um entra e sai de secretário na pasta do Planejamento. Robério Nogueira saiu para dar lugar a Luciano Saraiva que teve de sair porque Robério não podia mais assumir uma vaga na Câmara Municipal visto que fora expulso do PC do B.
As inúmeras mudanças de titulares tem provocado um verdadeiro caos administrativo na Princesa do Cariri.  Conforme levantamento feito por este blog, nestes quase três anos de governo, ultrapassa a trinta o número de assessores no primeiro escalão do Executivo, sendo que a maioria deixou o governo por conta própria, suscitando questionamentos sobre a forma do prefeito conduzir a máquina administrativa.
Do staf administrativo somente não sofreram alterações as pastas de Assistência Social, Cultura, Cidades, Desenvolvimento Econômico, Gabinete, Governo e Limpeza Pública.
Para se ter  uma ideia do quanto é prejudicial este entra e sai de secretários, o município do Crato, de acordo com avaliação do Spaece, ocupa a sexta pior colocação do ranking em aprendizado, perdendo, na Região Metropolitana do Cariri, apenas para Juazeiro do Norte, que está em último lugar no Estado do Ceará. A pasta da Educação foi a que mais mudou no atual governo. Está no seu quinto titular e, como sabemos, a cada mudança, também se verifica alteração na assessoria e equipes técnicas, que nem sempre adotam o plano de trabalho em curso.
A área da saúde, que a partir desta semana conta com seu quarto comandante, também vem sendo alvo de críticas de populares através dos veículos de comunicação. As reclamações são desde a falta de médicos até medicação, gazes, garrotes e luvas nos postos de saúde.
Uma greve foi anunciada para esta semana porque os servidores municipais não suportam mais conviver sem um calendário de pagamento, demonstrando a falta de capacidade de gerir uma simples folha.
Esses são alguns dos problemas gerados pelo executivo municipal que não consegue “segurar” seus principais assessores. O prefeito Ronaldo Gomes de Matos precisa fazer urgentemente uma reflexão sobre onde está o erro para este entra e sai de secretário, dando um basta nisso e realizar uma administração descentralizada, transparente, compartilhada, ouvindo seus assessores, entidades não governamentais e, principalmente, a população.
São muitos os atores políticos e sociais preocupados com o descarrilamento da locomotiva administrativa e dispostos a dar a sua contribuição para colocá-la mais uma vez nos trilhos do desenvolvimento econômico sustentável e de justiça social, recuperando, pois, o tempo perdido, porque, ao contrário do jargão futebolístico, ninguém corre atrás do prejuízo.
Foto : Wikipedia
Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " As constantes mudanças no governo do Crato "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.