Deputados rejeitam decreto que prevê suspensão de contratos da Educação

By Luiz Valério terça-feira, 20 de outubro de 2015
Na sessão de hoje, os deputados rejeitaram a proposta de Decreto Legislativo que suspende os contratos da Educação
Os deputados que integram a comissão de Constituição e Justiça da Assembleia Legislativa rejeitaram hoje o projeto de Decreto Legislativo que previa a suspensão dos contratos da Secretaria de Educação para a reforma das escolas estaduais, cujo montante se aproxima gira em torno dos R$ 60 milhões.

 A reprovação do relatório apresentado pelo deputado Jorge Everton (PMDB), que pedia a suspensão dos contratos, se deu por três votos contra e uma abstenção. O peemedebista foi o único a votar pela aprovação do relatório.

Jorge Everton lamentou a decisão da CCJ de votar pela rejeição do relatório uma vez que, segundo ele, havia farta documentação encaminhada pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) apontando para indícios de irregularidades nos contratos.

Ao defender a aprovação do relatório, o parlamentar disse que era preciso “acabar com a sangria dos recursos públicos”. Mas não foi isso que os demais membros do G14, que outrora também defenderam a necessidade de sustação dos contratos, entenderam. 

Jorge Everton disse estranhar essa mudança de postura dos colegas, mas destacou que cada um deles é que pode explicar porque mudaram de opinião em pouco tempo.

Por outro lado, o peemedebista pediu a retirada do seu nome da comissão especial criada para estudar a criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Educação. 

“Não faz sentido nem tem amparo legal se criar uma comissão para estudar a necessidade de criar outra comissão. Por isso pedi a retirada do meu nome há alguns dias e apenas reforcei meu pedido hoje em plenário”, justificou Everton.

Leia mais sobre política no Blog do Luiz Valério
Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " Deputados rejeitam decreto que prevê suspensão de contratos da Educação "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.