As derrapadas no Triângulo

By Lucion Oliveira quarta-feira, 23 de dezembro de 2015
Este foi um ano para ser esquecido pelos moradores dos municípios que formam a conurbação Crajubar. Seus administradores andaram longe de atender aos anseios da comunidade. Muitas as denúncias de falta de medicamento e médicos nos postos de saúde, de merenda escolar, de água, entre outros. O Ministério Público teve um trabalho intenso por conta da incompetência destes gestores.
Em Barbalha, a indiferença do prefeito José Leite (PT) faz com que os profissionais de saúde realizem o maior movimento paredista que se tem notícia. Há dez meses que estão em greve sem perspectiva de sair desta situação. A população sofre com a falta do atendimento primário na saúde. Mas os problemas não se resumem a esta área com reclamações nos campos da educação, mobilidade urbana e infraestrutura.
Na cidade de Juazeiro do Norte, o povo viu o seu mandatário ser afastado do poder pela justiça. Após vários recursos, coube ao Superior Tribunal de Justiça, em Brasília, bater o martelo e, de forma monocrática, determinar o retorno de Raimundo Macedo (PMDB) ao Palácio José Geraldo da Cruz. Mesmo com o susto, Raimundão retoma a sua forma de governar, ou seja, em conflito constante com o legislativo e a sociedade ao propor a transferência do Hospital Municipal São Lucas para uma Oscip ao mesmo tempo em que intensifica um programa de asfaltamento de ruas na periferia sem antes implantar um sistema de saneamento básico.
No Crato, a história não é diferente com o prefeito Ronaldo Gomes de Matos cometendo derrapadas administrativas. No segundo mês do ano, a cidade ficou sitiada com centenas de policiais e dezenas de promotores de justiça ocupando dois dos três poderes – Executivo e Legislativo, além de residências de vereador, secretário e fornecedores. O fato deixou cabisbaixo o cratense que viu a cena de repetir em menor intensidade seis meses depois. Nesta, o secretário de Finanças foi obrigado a deixar o cargo por determinação judicial. Enquanto isso, o fenômeno Ronaldo enfrenta greve dos servidores, amarga o sexto pior lugar em termos de educação, críticas pela falta de água e de medicamentos e assistiu a ocupação da sede da prefeitura pelos servidores em greve que reclamam o pagamento de seus salários. Teve que recorrer à justiça para que houvesse a desocupação.
Diante deste quadro deplorável, uma boa notícia veio da cidade eterna, a reconciliação da Igreja Católica com o Padre Cícero Romão Batista. O ato sinaliza para a abertura de um processo de beatificação e posterior canonização do Santo nordestino, pois milagre é o que não falta.
Que em 2016 os gestores de Barbalha, Crato e Juazeiro do Norte possam se inspirar e seguir os mandamentos do Padre Cícero (Procure o caminho certo antes que seja tarde) realizando no último ano de seus mandatos uma administração com mais transparência e justiça social.

Foto: Internet
Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " As derrapadas no Triângulo "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.