Michel Temer e a receita do governo fracassado do PMDB

By Luiz Valério segunda-feira, 24 de julho de 2017

Baixa popularidade, acusações gravíssimas de corrupção, um processo que pode resultar em seu afastamento do cargo tramitando na Câmara dos Deputados. Com toda essa carga negativa sobre as costas, o presidente Michel Temer (PMDB) ainda acena com medidas extremas de contenção de gastos e intenção arrecadadória que desagradam em cheio à população e os servidores públicos em geral. Falo do Plano de Demissão Voluntária e do aumento de impostos que podem vir por aí.

Temer hoje já é tão impopular quanto o foi Dilma e pode estar preparando sua própria cova política. Já é tido por muitos como um presidente cadáver, morto de véspera, asfixiado pela sede de poder e comportamento nada republicanos próprios e do seu grupo político. Diz-se que o legado deixado por Temer pode ser aldia mais nefasto do que o do também peemedebista José Sarney, quando este deixou o governo.

A base de apoio de Temer parece ser composta de parlamentares oportunistas que vendem seu voto em troca de dinheiro e benesses. Quanto a fonte secar (e parece que já secou) o apoio também cessará. Tenhos sérias dúvidas se os deputados que hoje ainda dão apoio ao presidente vão colocar em risco sua reeleição, endossando publicamente medidas impopulares.

Parece ser esta a sina do PMDB: assumir o governo para logo em seguida mostrar ao País que não tem a mais remota ideia de como governar. Foi assim com Sarney e está sendo assim com Temer. O DNA fisiológico e corrupto do PMDB é um dos principais entraves ao sucesso deste e de qualquer governo. O partido se mantém à sombra do poder há décadas fazendo uso de todos os artifícios imagináveis e inimagináveis, tal qual nos tem mostrado a Operação Lava Jato.

O partido que articulou a queda de Dilma sob acusação de corrupção (as agora infantis pedaladas fiscais), se mostrou um antro de corruptos muito mais lamacento que o PT. Agora, demonstra ao País que é sustentáculo de um governo que está nas cordas, prestes a tropeçar nas próprias pernas e cair. E, mesmo assim, ainda está disposto a atrair para si o desgosto absoluto de toda a sociedade. Eis a receita do fracasso desse governo peemedebista.
Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " Michel Temer e a receita do governo fracassado do PMDB "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.