Quem manda no Congresso é o capital, diz Telmário Mota

By Luiz Valério quinta-feira, 13 de julho de 2017
Telmário Mota disse que a reforma trabalhista resultará em grandes perdas para os trabalhadores brasileiros
O senador Telmário Mota (PTB) explicou em entrevista à Rádio Folha AM 1020, por volta do meio-dia desta quinta-feira (13), os motivos de ele ter votado contra a reforma trabalhista imposta pelo governo Temer. O parlamentar roraimense disse que, da forma como foi aprovada, a reforma prejudica profundamente os trabalhadores brasileiros, que perdem direitos históricos.

Telmário Mota afirmou que a reforma trabalhista tem o objetivo de satisfazer aos grandes empresários, que serão os únicos beneficiados com as mudanças feitas nas regras que regem as relações de trabalho no País. “Hoje, quem manda no Congresso é o capital. Os políticos votam como manda o mercado”, criticou.

Segundo Telmário, o Brasil precisa de várias reformas estruturantes, inclusive a da Previdência, mas a forma como o governo Temer impôs a reforma trabalhista acabou por “jogar direitos adquiridos na lata do lixo”.

O político frisou que dos senadores de Roraima, apenas Romero Jucá (PMDB), a quem ele chama de senador do mal, votou a favor da reforma trabalhista. “Eu e a senadora  Ângela votamos contra”, disse. Ainda fazendo alusão a Jucá, o petebista disse que não foi eleito com dinheiro de grandes empreiteiras e, por isso, tem que honrar o voto do povo.

O senador listou as principais mudanças feitas na legislação trabalhista, por meio da reforma, que serão danosas aos trabalhadores.

Segundo ele, agora o trabalho temporário “poderá ser terno”; as demissões em massa vão se intensificar e las serão feitas ao bel prazer dos empregadores; a submissão dos empregados ao trabalho em locais insalubres tende a aumentar, inclusive para gestantes; as férias parceladas prejudicará a programação das famílias, etc.

Luiz Valério

Sou Jornalista e blogueiro. Há 20 anos cubro o mundo político, boa parte desse tempo escrevendo em blogs na Web. Moro em Roraima há 15 anos. Já desenvolvi vários projetos na área do jornalismo. Apaixonado por tecnologia, tenho especialização na Área. Agora nos encontramos por aqui.

No Comment to " Quem manda no Congresso é o capital, diz Telmário Mota "

Obrigado por comentar aqui no blog
Os comentários neste blog são livres, sem moderação.
Aviso, no entanto, que ofensas, palavrões ou quaisquer expressões racistas ou discriminatórias serão apagadas sumariamente.
Para quem comentar com responsabilidade, este espaço estará sempre aberto. Críticas e sugestões para o autor serão bem-vindas.

OBS: Os comentários dos leitores não refletem necessariamente a opinião do autor do blog.