Arthur Henrique tenta explicar gafe sobre desconhecimento rural do município

Atual vice-prefeito e candidato a prefeito de Boa Vista, Arthur Henrique (MDB) afirmou em rede social que investimentos e melhorias na Vila do Passarão, localizada na área rural de Boa Vista, não é de competência da Prefeitura de Boa Vista.

A afirmação foi em resposta a um internauta, na rede social do candidato, que questionou que “a prefeita Teresa e o Arthur Henrique precisam olhar um pouquinho para a Vila do Passarão, A via que faz parte do município de Boa Vista não tem atenção nenhuma da prefeitura”.

Em resposta, Arthur Henrique afirmou que “Oi Claudio. Essa região pertence ao Governo do Estado, ela não faz parte das competências da Prefeitura. Na área que compete a prefeitura, estamos nos esforçando para os investimentos necessários. Abraço”.

A reposta em rede social causou polêmica já que o Projeto de Irrigação Passarão é uma vila localizada na zona rural do Município de Boa Vista e faz parte das competências da Prefeitura.

A Vila do Passarão iniciou há 25 anos pelo Governo do Estado e hoje tem aproximadamente 400 pessoas morando. E por pertencer ao município de Boa Vista é de competência da prefeitura oferecer os serviços de infraestrutura e assistência, como postos de saúde, iluminação, transporte público e coleta de lixo.

Resposta de Arthur Henrique ao questionamento de um eleitor no Facebook, demonstrando total desconhecimento da Zona Rural de Boa Vista

OUTRO LADO

Em resposta ao questionamento feito pelo site da Rádio Panorâmica FM, o candidato Arthur Henrique esclarece que, apesar de algumas áreas estarem dentro do perímetro territorial do município de Boa Vista, nem todas são de responsabilidade da Prefeitura. “Legalmente, ainda existem áreas que pertencem a União e outras ao Governo do Estado”.

Como exemplo, podemos citar o próprio Distrito Industrial que está na área urbana do município, porém é gerido pelo Governo do Estado. E a Vila do Projeto de Assentamento do Passarão é outro exemplo.

Esse projeto de assentamento foi criado em 1991 para estruturar e fortalecer a produção de frutas em Roraima, mas nunca recebeu a devida atenção por parte das gestões estaduais. Desta forma, apenas 400 dos 1.000 hectares do projeto inicial foram instalados. E conforme dados da Seapa, apenas 165 estão produzindo.

Em 27 de setembro deste ano, o Governo do Estado apresentou um projeto de Recuperação e Modernização do Passarão ao ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, conforme amplamente divulgado pela sua assessoria, o que confirma a responsabilidade estadual na gestão do projeto e atendimento às famílias assentadas.

Desta forma, não é a Prefeitura que tem competência direta em relação ao projeto Passarão. Ainda assim, dentro das condições do orçamento municipal que é cinco vezes menor que o do Estado, a gestão municipal oferece acesso ao ensino com uma escola municipal, limpeza periódica da Vila e o cadastro no Plano Municipal do Desenvolvimento do Agronegócio que teve adesão de quatro produtores da região.

A Prefeitura segue em esforço contínuo para atender toda a população de Boa Vista dentro das competências e atribuições legais pertinentes à gestão municipal.

Fonte: Rádio Panorâmica FM

Envie sua sugestão de pauta para o Blog


Conversar no WhatsApp

#BoaVista #ArthurHenrique #PolíticaemRoraima #PrefeituradeBoaVista #EleiçõesMunicipais #Eleições2020

0 visualização0 comentário

Receba nossas atualizações

  • Ícone do Facebook Branco
  • Ícone do Twitter Branco

© 2021 Blog do Luiz Valério. Uma publicação da Verbo Digital Comunicação e Marketing. Todos os direitos reservados.